Amor que se dá 与える愛

与える愛

人にやさしい おもいやり

Praticar o Amor Doação é

ser afável e pensar nas pessoas.

 

Os ensinamentos da Ciência da Felicidade baseiam-se nos princípios da felicidade. Esses princípios nesta era moderna correspondem aos Quatro Corretos Caminhos para a felicidade. 

Um dos quatros pilares em que se baseiam os princípios da felicidade é o Amor (Ai 愛).

Os outros três são Sabedoria 智慧 (Chie), auto-reflexão 反省 (Hansei) e  desenvolvimento 発展 (Hatten).

O primeiro de todos os princípios da felicidade é o amor. Ter amor e praticá-lo, esse é o objetivo.

O amor é a luz deste mundo. Através do amor a mente e os corações das pessoas são preenchidos de luz.

O amor revela a verdadeira natureza do ser humano como Filho de Deus ou Buda.

Não existe felicidade se não existir amor, porque o amor é a semente da felicidade.

O amor que gera a felicidade é o amor doação, isto é, o amor que se dá sem esperar qualquer retorno ou reconhecimento de volta.

O amor é a energia que sempre está em circulação, nunca para ou fica estagnado.

Se amor é oferecido livremente, sem nada esperar em troca, essa energia acaba retornando a nós mesmos por diversar maneiras.

Ao contrário, se o amor que sentimos ou damos espera recompensa ou reconhecimento, ou se o amor se apossa das pessoas ou coisas, esse amor priva as pessoas. Logo, ele não doa incondicionalmente, por que trata-se de uma forma de apego material ou às coisas de mundo.

Se não damos amor incondicional às pessoas, também não receberemos amor das pessoas.

Primeiro devemos dar amor, este é o princípio de todas as coisas.

O que devemos passar para as pessoas é que o amor de Deus é infinito. Esse amor nunca se esgota. O Buda Eterno (Deus) nos ama e flui seu amor para conosco o tempo todo. E em troca desse amor, Deus não pediu nada. Ele simplesmente doa a nós.

A nossa natureza e essência espiritual, natureza búdica, herdamos de Deus, pois somos seus filhos. Portanto, o amor faz parte da nossa natureza.

Mas as pessoas ainda estão com o coração endurecido. Falta amor e caridade para com as pessoas. Falta respeito para com os mais velhos e necessitados.

A sociedade atual parece estar em disputa constante por obter mais e mais, sem pensar no próximo. Pensam somente em levar vantagem em detrimento da felicidade alheia.

Isso não dura muito. Toda vez que a nossa felicidade é gerada a partir da tristeza, exploração ou falta de amor com as pessoas, o nosso sucesso terá pouca duração.

Essa é Lei. Assim está escrito nas linhas das camadas de energia que sustentam o nosso universo.

Lembre-se, ame o seu próximo, sem nada exigir em troca. Pelo contrário, doe sempre o seu amor, de todo o teu coração.

Reverências…